RÁDIO ARQIVO5

http://streaming29.hstbr.net/player/radioarquiv

terça-feira, 21 de maio de 2013

MEC desvincula 14 faculdades baianas do Prouni


O Ministério da Educação (MEC) decidiu suspender 330 instituições de ensino superior do convênio com o Programa Universidade Para Todos (Prouni). Das suspensas, 14 ficam na Bahia, como a Faculdade de Ciência e Tecnologia (FTC), Faculdade 2 de Julho e a Unidade de Ensino Pesquisa e Extensão (Unibahia).
As escolas suspensas são administradas por 266 associações mantenedoras. A justificativa do MEC é que elas não comprovaram regularidade fiscal.
De acordo com o MEC, a decisão não causará prejuízos aos estudantes que já são beneficiados pelo Prouni. A decisão passa a valer para aprovados nas próximas seleções das faculdades. Criado em 2004, o Prouni oferece bolsas totais e parciais para cursos de nível superior.
A desvinculação representará o corte de 20 mil vagas pelo País - algo em torno de 20% do total oferecido no último semestre de 2012.
Embora o órgão federal não divulgue os dados regionais, a suspensão do programa pode afetar de forma significativa as instituições baianas. A Bahia é o estado nordestino que mais distribuiu bolsas pelo Prouni desde 2005: 67.805.
O número é quase o triplo do segundo lugar da região, ocupado por Pernambuco (23.011). Somente no ano passado, 12.099 estudantes baianos foram contemplados. A desvinculação pode ser revertida caso as mantenedoras recorram e apresentem a comprovação da quitação de tributos e contribuições federais em até cinco dias.
Faculdades desvinculadas do ProUni
Unibahia
Mosteiro de São Bento
FTC
Faculdade da Cidade
Faculdade São Salvador
Fundação 2 de Julho
Sociedade de Apoio à Educação, Ciência e Tecnologia do Estado da Bahia
Unidades de Ensino Superior do Sertão da Bahia
Sociedade Cultural e Educacional da Bahia
Associacao Educacional Unyahna
Sociedade de Ensino Superior do Nordeste da Bahia
Faculdade do Sertão Baiano
Centro Educacional do Sul da Bahia
Instituto de Ensino Superior de Candeias

Fonte: A Tarde

Nenhum comentário:

Postar um comentário