RÁDIO ARQIVO5

http://streaming29.hstbr.net/player/radioarquiv

sábado, 14 de agosto de 2010

Dilma cresce em pesquisa

15/08/2010

Dilma cresce e tucanos miram eleitores indecisos em Minas Gerais

Pesquisa divulgada ontem pelo Instituto Datafolha aponta favoritismo em torno da candidatura de Dilma Rousseff (PT) em Minas Gerais, que passou José Serra (PSDB) e agora lidera nas regiões Nordeste e Sudeste. Uberabenses analisam a performance política, estando os tucanos confiantes no horário eleitoral para a conquista dos indecisos.

A sondagem aponta estar a presidenciável petista com 41% das intenções de voto no Estado, contra 34% de Serra. Na última pesquisa, os índices eram, respectivamente, 35 e 38%.
Ainda de acordo com a pesquisa, Dilma disparou também no Rio de Janeiro, terceiro maior colégio eleitoral, que revela a aproximação da senadora Marina Silva (PV), com 15%, de José Serra, 25% da preferência do eleitorado daquele Estado.

A petista também abriu vantagem na Bahia, com 11 pontos percentuais, registrando melhor desempenho em Pernambuco, onde passou de 15 para 33%. Ao ser informado dos índices, o presidente da Executiva Regional do PMDB, Luiz Humberto Borges, credita o crescimento à percepção do trabalho feito junto ao presidente Lula (PT). “A população está entendendo a forte ligação que irá assegurar o trabalho ora desenvolvido pelo governo federal”, analisou.

Apesar de desfavorável na sondagem do Datafolha, Serra lidera em São Paulo, embora tenha caído sete pontos percentuais em relação à pesquisa anterior. A vantagem tucana também diminuiu 12% no Rio Grande do Sul, que concentra 8,1 milhões de habitantes. Serra detém 43% e Dilma, 35%.
Resultado ainda não proporciona segurança para os petistas cantarem vitória antes da hora. Afirmação é do engenheiro Luiz Cláudio Campos, que preside o Diretório Regional do PSDB em Uberaba.

Em sua opinião, as pesquisas passam por grandes oscilações devido à presença dos candidatos na mídia. O levantamento do Datafolha, segundo afirmou, foi realizado na terça e quarta-feira passadas, quando, de forma individual, Dilma Rousseff e Marina Silva expuseram suas plataformas políticas durante o Jornal Nacional, na Rede Globo.

Serra concedeu entrevista somente na quinta-feira, privando o eleitor de assimilar as metas de campanha e, por consequência, se manifestar nas intenções de voto.
O dirigente político considera que o perfil eleitoral mudará doravante, pois a campanha do PSDB em todo país começa a ser deflagrada esta semana de forma ostensiva, mirando principalmente o grande percentual de eleitores indecisos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário