RÁDIO ARQIVO5

http://streaming29.hstbr.net/player/radioarquiv

sábado, 9 de janeiro de 2016

Reforma da Previdência defendida por Dilma enfrenta rejeição

Uma das maiores apostas do governo para diminuir as despesas obrigatórias, a reforma da Previdência Social encontra resistência tanto no Congresso - inclusive na base aliada - quanto em integrantes do próprio Planalto. Segundo parlamentares ouvidos pelo Broadcast, serviço de notícias em tempo real da Agência Estado, propor mudanças estruturais nessa área em um ano eleitoral como 2016 pode inviabilizar a aprovação. Centrais sindicais também já se articulam para fazer pressão contra a reforma
Até novembro de 2015, segundo o Tesouro Nacional, o déficit do Regime Geral da Previdência Social era de R$ 91,4 bilhões, um crescimento real de 38,9% na comparação com o mesmo período de 2014. Até o momento, a principal proposta é a que institui idade mínima para aposentadoria de 60 anos para mulheres e 65 para homens. No fim de dezembro, o atual ministro da Fazenda, Nelson Barbosa disse a investidores que tem a intenção de enviar ainda no início deste ano a proposta ao Congresso.

Notícias ao minuto

Nenhum comentário:

Postar um comentário