RÁDIO ARQIVO5

http://streaming29.hstbr.net/player/radioarquiv

quarta-feira, 3 de abril de 2013

Vereador ameaça dar porrada em repórter



Um repórter, cujo nome não foi especificado, foi ameaçado pelo vereador Correia Zezito (PTB) na manhã desta terça-feira, na sessão da Câmara. Correia disse literalmente: "Eu ainda vou dar uma porrada nesse repórter ainda".

OUÇA E LEIA MAIS ABAIXO:

O comentário foi feito no encerramento da fala, depois do aviso do vice-presidente Ronny (PSDB), que presidia a sessão, de que o tempo tinha se esgotado. Correia aproveitou para dizer que quando há assunto, fala bastante e o tempo fica pequeno, em resposta a uma crítica que teria sido feita pelo repórter, que condenou discurso anterior. “O repórter achou que eu não tinha o que falar”, reclamou, antes de proferir a ameaça.

De imediato, a Tribuna Feirense publicou a frase no Twitter e em seguida o áudio, que rapidamente começou a repercutir nas redes sociais. Na mesma sessão, Correia Zezito retomou a palavra para se justificar, dizendo que não tinha intenção de agredir ninguém.

Eu queria que vocês me entendessem, a imprensa, eu falei porrada não é agredir ninguém não, gente. Sou policial militar, será possível que tudo que eu for falar tem que ser porrada batendo em alguém? Não é bater não. Vocês não dao porrada no vereador, não faz suas notinha (sic) criticando? Isso é porrada. Quando eu tiver bem preparado, vou dar uma porrada. Relação verbal. Apesar desse corpo, dessa mente, de ser policial militar, não tô aqui pra agredir ninguém. Não vá me entender errado, pelo amor de Deus. Se você entendeu assim, me desculpe, não tenho muito traquejo para labutar com a imprensa. Mas pegue leve comigo, que também sou de falar, viu?”, terminou, avisando.

Nenhum comentário:

Postar um comentário