RÁDIO ARQIVO5

http://streaming29.hstbr.net/player/radioarquiv

quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Corpo de jogador vítima de violência da torcida chega a Camarões


 PHOTO/STR

ARGEL, 28 Ago 2014 (AFP) - O corpo do atacante do clube argelino JS Kabylie, o camaronês Albert Ebossé, que morreu no sábado após ser atingido por um objeto lançado pela torcida no fim de uma partida, chegou nesta quinta-feira ao país natal acompanhado por uma delegação do clube.
Uma cerimônia foi realizada para receber o caixão e contou com a presença do ministro argelino dos Esportes, Mohamed Tahmi, e de familiares de Ebossé.
"Albert Ebossé não foi apenas um jogador do clube, mas também um filho querido, adorado por toda uma região, um jogador exemplar dentro e fora de campo", declarou à imprensa o presidente do clube, Mohamed Cherif Hanachi.
O JSK decidiu repassar o salário de Ebossé à família do jogador até o fim do contrato, enquanto a Federação nacional pagará uma indenização de 100.000 euros.
Ebossé morreu após ser atingido na cabeça por "um objeto pesado e cortante que provocou uma hemorragia interna", afirmou na segunda-feira à noite o procurador da República de Tizi Ouzou, onde o jogador faleceu.
O resultado do inquérito sobre a morte de Ebossé ainda não foi revelado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário